19/05/2017 às 10:58
Fábrica da Camera em São Luiz Gonzaga volta a processar soja
Fábrica da Camera em São Luiz Gonzaga volta a processar soja
A unidade da Camera em São Luiz Gonzaga

A grande safra de soja, somada ao recebimento recorde das unidades da Camera nas Regiões da Fronteira Oeste e Missões, motivaram a empresa a retomar o processamento da oleaginosa na fábrica de óleos e farelos vegetais de São Luiz Gonzaga. Estrategicamente, a companhia optou em reduzir exportações de soja in natura para agregar valor à produção através do processamento, em um ano muito favorável a indústria do setor.
Ao final de 2016, a Camera alcançou a capacidade máxima mensal de processamento de soja na fábrica de Santa Rosa. Somada ao fato da safra recorde de soja no RS estar confirmada, a retomada da operação da planta restou como consequência natural para o esforço de recuperação das atividades da empresa.
Desde novembro do último ano, a empresa já havia voltado a operar a estrutura de recebimento, limpeza, secagem e armazenagem de grãos na unidade de São Luiz Gonzaga, em preparação para a potencial reativação da operação industrial. A indústria tem capacidade de processar 900 toneladas de soja por dia, atuando nos sete dias da semana, em regime de 24 horas. Produz farelo para o mercado doméstico (fábricas de ração animal) e para a exportação via Porto de Rio Grande. O óleo de soja tem como destino preferencial, a produção de biodiesel e o refino para consumo humano, sendo seu excedente exportado via os Portos de Paranaguá (PR) e Rio Grande.
Ao longo de março e abril, foram contratados 60 funcionários para as vagas nos setores de preparação, extração, caldeira de geração de vapor e expedição de produtos acabados. Várias empresas de prestação de serviços de toda a região trabalharam intensamente para a revisão geral do parque de máquinas e equipamentos industriais. Até o último sábado, foram realizados testes de performance e a retomada efetiva de produção ocorreu na segunda-feira, desta semana.
A Camera completou neste ano, 46 anos de atuação, com sede na cidade de Santa Rosa, ocupando posição de destaque no agronegócio do Sul do país, fazendo da soja sua principal atividade, aliada a uma estrutura diversificada e verticalizada em toda a cadeia da agricultura, participando ativamente do dia a dia do agricultor.
 

Fonte: Leandro Santos, Assessoria de Comunicação Camera

Comentários

Nenhum Comentário. Deixe o seu comentário!

Mais notícias em Geral