10/11/2017 às 15:10
De 8 a 10 de dezembro, a 41ª Feira do Livro de São Luiz Gonzaga
De 8 a 10 de dezembro, a 41ª Feira do Livro de São Luiz Gonzaga
Karina Zborowski e Rosneli Antonini na redação de A NOTÍCIA Crédito da foto - Vânia Cavalheiro/AN

Cumprindo o calendário cultural da cidade, será realizada de 8 a 10 de dezembro, a 41ª Feira do Livro de São Luiz Gonzaga. A promoção é do Município e a realização está a cargo da Secretaria Municipal de Educação e Cultura. A informação é das professoras Karina de Souza Zborowski e Rosneli Antonini, do Setor Pedagógico da SEMECE, em visita ontem, ao jornal.
Para este ano, o Município desejava promover uma Feira do Livro ampliada e, para isso, encaminhou projeto ao Ministério da Cultura, para captar recursos através da Lei Rouanet. O projeto foi aprovado, mas não foi possível a captação financeira. Sem essa fonte de recursos e com as limitações do momento em relação a recursos próprios do Município, a Administração Municipal decidiu realizar a Feira do Livro da forma mais econômica possível. A partir dessa ideia, a SEMECE vai buscar o apoio de entidades de cunho cultural da cidade, como é o caso do Instituto Histórico e Geográfico, ASAS, Casa do Poeta, Coral Canto Livre, Igrejas, Escolas e o Ballet Lara Moreira, entre outras entidades, como é o caso da ACI, Sindilojas e outras representações da comunidade. Reunião será realizada na próxima semana, para pedir a adesão dessas entidades e partir para tomadas de decisão, como a programação, escolha do lema e do patrono.
Karina e Rosneli alertam autores que desejam fazer o lançamento de suas obras, para o necessário contato prévio com o Setor Pedagógico da SEMECE. As entidades, escolas e órgãos da comunidade que desejarem participar com apresentações artísticas devem também se manifestar à Secretaria da Educação e Cultura, o mais breve possível.
Tudo a ser feito será de forma voluntária, disseram as professoras Karina e Rosneli. Portanto, a 41ª Feira do Livro será resultado da importância que a comunidade dá ao evento. Esse recado está sendo transmitido aos artistas locais e da região que desejarem apresentar seus trabalhos de forma voluntária. Também estão sendo aceitas colaborações para cobertura de despesas e de serviços que precisam ser contratados, como é o caso do som. Mas sejam quais forem as dificuldades, a decisão de fazer a feira é irrevogável, disseram Karina e Rosneli, transmitindo assim a orientação recebida da secretária da Educação, Rosângela Vidotto.
MOSTRA DE TRABALHOS – Faz parte da programação da Feira do Livro, a Mostra de Trabalhos a ser realizada dia 7 de dezembro, no Centro de Artes Lucas Franco de Lima, de alunos das Escolas Municipais, Estaduais e Particulares. Este ano, a Mostra não será temática, para receber todas as manifestações dos alunos, em qualquer área. Até então, essa Mostra tinha caráter científico, e agora poderá ser também artístico e em qualquer campo onde estiver presente a criatividade e a capacidade inventiva dos estudantes. Serão entregues premiações para quatro categorias: educação infantil, séries iniciais (1ª a 5ª série do Ensino Fundamental), séries finais (6ª a 9ª série do Ensino Fundamental) e Ensino Médio. Os prêmios serão distribuídos por categorias e por rede. As escolhas serão feitas por uma comissão, respaldada em enquete feita com os visitantes, que depositarão seus votos em uma urna que estará disponível no local.
 

Comentários

Nenhum Comentário. Deixe o seu comentário!

Mais notícias em Geral