27/12/2018 às 16:34
Confiança do empresário do comércio é a maior registrada desde abril de 2014

Pesquisa divulgada pela Fecomércio-RS aponta aumento do otimismo para com o futuro e redução do pessimismo na avaliação das condições atuais

O Índice de Confiança do Empresário do Comércio (ICEC), atingiu no mês de dezembro, 116,5 pontos, maior resultado registrado desde abril de 2014. Os dados foram divulgados pela Fecomércio-RS nesta quinta-feira, 27 de dezembro. Em relação ao mesmo período do ano passado, o ICEC variou 11,1%, com aumento de 7,5% na margem, seguindo a tendência de comportamento mais otimista do empresariado gaúcho nos últimos meses do ano.

 

O indicador que mede as Condições Atuais do Empresário do Comércio (ICAEC), e que avalia suas percepções com relação ao momento da economia e do setor, chegou a 86,4 pontos, avançando 8,0% em relação a dezembro de 2017. Mesmo com um aumento pelo quarto mês seguido, o indicador se mantém em patamar pessimista, mas já superou o valor registrado em maio, antes da greve dos caminhoneiros, que influenciou o setor de forma negativa.
 
O indicador de expectativas quanto ao futuro (IEEC) registrou o quinto mês consecutivo de crescimento na margem. Em dezembro, ele alcançou 153,7 pontos, variando 9,0% na comparação com dezembro de 2017, demonstrando confiança do empresariado com as mudanças na economia, e com a lenta, mas gradual geração de empregos, e com as propostas do novo governo na área, como as possíveis privatizações e as reformas que devem acontecer. “O novo governo tem entre suas propostas, a contenção de gastos públicos, privatizações, concessões e abertura comercial. Além disso, há boas perspectivas na realização de reformas importantes para o país”, explica o presidente da Fecomércio-RS, Luiz Carlos Bohn.
 
Outro índice que apresenta melhoras é o que se refere aos investimentos do empresário do comércio (IIEC). No último mês de 2018, ele variou 16,9% na comparação com o mesmo período de 2017 e alcançou 109,4 pontos. Também, em comparação com novembro, o IIEC avançou 5,6%, atingindo o maior valor desde maio de 2014. Os pontos com mais destaque no IIEC são o de contratação de funcionários, que é o melhor desde abril de 2014, e os de investimento e situação dos estoques, que seguem crescendo.
 
 
(Fonte – Fecomércio/RS)
 
 

Comentários

Nenhum Comentário. Deixe o seu comentário!

Mais notícias em Geral