05/04/2019 às 17:00
21ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza inicia em 10 de abril

Mobilização será realizada em duas etapas

 

Na próxima semana, inicia a 21ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza. Diferente da edição anterior, a mobilização será realizada em etapas. De 10 a 18 de abril, serão vacinados os grupos de crianças (de seis meses a seis anos de idade incompletos) e gestantes. A partir do dia 22, será aberta a campanha aos de mais grupos prioritários.

 

A meta do município é vacinar 90% dos grupos de risco. O público alvo da campanha são indivíduos com 60 anos de idade ou mais; crianças na faixa etária de seis meses a cinco anos, 11 meses e 29 dias; gestantes; puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhadores da área da saúde; professores das escolas públicas e privadas; povos indígenas; portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais; adolescentes e jovens de 12 a 21 anos cumprindo medidas socioeducativas, população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional. Para as crianças, também será realizada a revisão do cartão de vacinação, sendo essencial apresentar o cartão SUS e a carteirinha de vacinas. 
 
 
LOCAIS
As ESFs com sala de vacinas estarão realizando a vacinação à sua população. O Centro de Saúde efetuará apenas a vacinação das crianças e gestantes da ESF Centro. Já os adultos e idosos da área deverão receber a dose de vacina na ESF Centro. Idosos e crianças que residem no interior terão roteiro especial, não necessitando se deslocar à cidade para ter acesso a vacina. As crianças da ESF Ramona (a qual não possui sala de vacinas) serão vacinadas na ESF Agrícola, já os idosos e adultos devem se dirigir ao ESF. “Pedimos que a população busque sua vacina na respectiva unidade de saúde, pois a previsão de doses encaminhada a cada ESF será de acordo com a realidade de sua população”, destacou a enfermeira Patrícia Bressan, coordenadora do Centro de Saúde.
 
 
A equipe do Centro de Saúde realizará a vacinação do público-alvo no interior do município seguindo o roteiro: 
 
22 de abril (segunda-feira)
8 horas – Rincão dos Vieira (na casa do agente de saúde Rodrigo)
9h30min – Rincão dos Pintos (posto de saúde com Rodrigo)
11 horas – Assentamento São Sebastião (com o agente de saúde Getúlio)
13h30min – Capela São Paulo e Restinga Seca (com a agente de saúde Ilone)
 
 
23 de abril (terça-feira)
 
8 horas – Assentamento Campos do Pontão (na sede da localidade)
9 horas – Rincão dos Santana (na EMEF João XXIII com a agente de saúde Marcele)
13h30min – Pontão de Santa Maria (com a agente de saúde Edilse)
 
 
24 de abril (quarta-feira)
8 horas – Assentamento Sepé Tiaraju e Palma (com a agente de saúde Nina)
13h30min – Limoeiro e Assentamento 28 de Maio (na sede da localidade com os agentes de saúde Giane e Ronaldo)
 
 
 
METAS
Em 2018, São Luiz Gonzaga atingiu 90% de cobertura vacinal da gripe, alcançando a meta geral da campanha. Porém, o grupo das crianças não atingiu o índice. De acordo com Patrícia Bressan, o Setor de Imunização busca melhorar esses dados. “A vacinação é muito importante! Ela previne de 50% a 70% das mortes e reduz internações por gripe. Sendo que, ainda, se houver internações o tempo de hospitalização diminui de um a dois dias nos vacinados”, informou.
 
 
(Larissa Dorneles / AI Prefeitura de São Luiz Gonzaga com informações do Centro de Saúde )
 
 
 
 
 

Comentários

Nenhum Comentário. Deixe o seu comentário!

Mais notícias em Geral