24/05/2019 às 16:03
Coopatrigo instala mais uma turma do Aprendiz Cooperativo do Campo
A Coopatrigo promoveu na quarta-feira, 22, na  Escola Agrícola Aquilino de Santis, no Rincão dos Mirandas, interior do município de Santo Antônio das Missões, a instalação de mais uma turma do Programa Aprendiz Cooperativo do Campo.
 
 
Vinte jovens na idade entre 14 e 24 anos compõem a turma e durante um ano e seis meses, manterão vínculo com a Coopatrigo como aprendizes, fazendo parte deste programa que é uma iniciativa do Sescoop/RS para atender as cooperativas agropecuárias. A seleção dos alunos foi realizada pela escola, baseada no desempenho escolar e afinidade com o Programa.
 
 
O Aprendiz Cooperativo do Campo traz uma proposta inovadora de curso, com aulas práticas e teóricas em ambientes diversificados de produção, como propriedades modelo, laboratórios, dias de campo, feiras, exposições e vivências na propriedade da família de cada participante, através de estudos dirigidos, objetivando adquirir conhecimentos que estimulam a formação de um agente empreendedor cooperativo.
 
 
A metodologia do curso prevê duas semanas de aula teórica em turno oposto na Escola Aquilino de Santis, aulas estas que serão ministradas e coordenadas pela Cooperconcórdia, e duas semanas de trabalhos práticos na propriedade familiar de cada um, focando o aperfeiçoamento da atividade no campo.
 
 
Participaram da apresentação do Programa Aprendiz Cooperativo do Campo, o presidente da Coopatrigo, Ivo Batista, e o superintendente, Paulo Cordenonsi, o prefeito de Santo Antônio das Missões, Puranci Barcelos, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Aguinaldo Barcelos, a diretora da Escola Aquilino de Santis, Ana Emilia Dutra, o representante da Coperconcordia, Tiago Moroni, lideranças do município e familiares dos aprendizes.
 
 
O presidente, Ivo Batista, ao comentar a instalação de mais esta turma do Aprendiz Cooperativo do Campo, disse que este programa é muito importante para a cooperativa, pois além de tratar sobre a sucessão familiar, oferece qualificação para os jovens, oportunizando que muitos deles permaneçam na propriedade de seus familiares. (Roberto Marques - Assessor de Comunicação Coopatrigo)
 
 

    

Comentários

Nenhum Comentário. Deixe o seu comentário!

Mais notícias em Geral