A Surpresa Incentivadora

  • 21 de julho de 2023

Em meio ao rigoroso inverno, quando todos aguardam a chegada do aconchego do lar e da expectativa de tempos mais amenos, algo inusitado pode ocorrer: o “veranico do inverno”. Esse fenômeno meteorológico traz, por alguns dias, um tempo surpreendentemente mais ameno e ensolarado, interrompendo temporariamente o frio intenso. Essa analogia pode ser trazida para as nossas vidas, pois muitas vezes, em meio às dificuldades e adversidades, somos agraciados com surpresas agradáveis que iluminam nossa jornada.

A vida, como uma trama complexa e imprevisível, nos reserva inúmeras experiências, algumas marcadas por desafios que nos fazem questionar nossa capacidade de enfrentá-los. São como os dias frios e sombrios do inverno, nos quais nos sentimos envoltos por uma aura gelada de incertezas e preocupações. Entretanto, é justamente nesses momentos em que a existência nos brinda com o “veranico” da surpresa, que nos permite vislumbrar um raio de esperança em meio à escuridão.

As surpresas agradáveis podem se apresentar de diversas formas. Pode ser um gesto de solidariedade de um estranho em meio à adversidade, uma oportunidade inesperada que se abre em um momento de crise, ou ainda, uma revelação interna que nos mostra o quanto somos capazes de superar obstáculos aparentemente intransponíveis. Essas surpresas, como um sol tímido em um dia gélido de inverno, trazem calor e conforto à alma, renovando nossas forças e ânimo para prosseguir na caminhada.

As dificuldades que enfrentamos na vida podem nos ensinar lições valiosas sobre resiliência, paciência e gratidão. Cada desafio superado nos torna mais fortes e sábios, preparando-nos para o que está por vir. Quando somos presenteados com uma feliz boa nova no meio das tribulações, somos lembrados de que, mesmo em momentos difíceis, devemos manter o olhar atento às pequenas luzes que brilham ao nosso redor. O tamanho antes pequeno, ora grande, pode nos sinalizar que a frenesi que vivemos muitas vezes obscurece as pequenas grandes coisas. A cereja do bolo muitas vezes não é vista, antes de todo ele ser talhado. Olhemos o lado bom do todo.

Assim como o “veranico do inverno” nos ensina que o clima é volátil e pode nos surpreender, a vida também é feita de imprevistos, e as dificuldades podem ser temporárias. É importante lembrar que os dias mais sombrios acabam cedendo espaço para momentos mais amenos, mesmo que breves, e que é necessário manter a esperança e a confiança em nossas capacidades para seguir em frente.

Diante dos desafios que a vida nos apresenta, abramos nossos corações para as maravilhas que podem surgir no meio da dificuldade. Sejamos gratos por cada momento de calor e luz que ilumina nossos caminhos, e compreendamos que essas experiências enriquecem nossa jornada, moldando-nos como seres humanos mais resilientes, compassivos e conscientes das belezas que existem mesmo nos dias mais frios e cinzentos.

Que possamos ser como o “veranico do inverno”, levando brilho, epifania e inspiração para o mundo, tornando-o um lugar mais acolhedor para todos.

Entidades e empresas se mobilizam para promoção do Arroz Solidário

Estão em ritmo intenso os trabalhos de organização da primeira edição do Arroz Solidário. A programação ocorre no próximo dia…

Alunos do IERB criaram desenhos com mensagens de esperança aos atingidos pelas enchentes

Neste mês de maio, as professoras do Instituto Estadual Rui Barbosa, Gisele Silva De Oliveira Guedes e Viviane Siqueira Alves,…

Rock solidário nesta sexta-feira, no Atlanta

Nesta sexta-feira, 24 de maio, junto ao Atlanta Boliche Bar em São Luiz Gonzaga, será realizada a noite do Rock…