Agro em Foco | José Grisolia Filho

  • 21 de outubro de 2023

Ministério da Agricultura e Pecuária

atualiza o indexador 

”Valor da Produção Agropecuária”


O Ministério da Agricultura e Pecuária atualizou terça-feira, dia 17 do mês corrente, o indexador chamado de “Valor da Produção Agropecuária”, com base nos dados de setembro e chega à estimativa de que a produção chegará a R$ 1,15 trilhão até o final do ano.

O número representa um acréscimo de 2,7% em relação ao ano passado (R$ 1,12 trilhão) e é o maior desde que o indicador passou a ser calculado pelo governo, há 34 anos.

O crescimento foi puxado pelas lavouras, em especial pela safra recorde de grãos.

O Estado com a maior produção é Mato Grosso, com R$ 185,1 bilhões, o que representa 16% do total produzido e um saldo considerável em relação a 2014, quando o montante produzido chegou a R$ 117,4 bilhões.

Em segundo lugar vem o Paraná, com 142,6 bilhões (12,4% do total do País). Em 2014, a produção havia sido de R$ 104,2 bilhões, um aumento de quase 37%.

A seguir, o ranking dos 8  Estados maiores produtores:

1)Mato Grosso – R$ 185.064.380.451; 2) Paraná – R$ 142.645.712.726; 3) São Paulo – R$ 141.888.988.105; 4) Minas Gerais – R$ 123.012.960.923; 5) Goiás – R$ 97.147.250.971; 6) Rio Grande do Sul – R$ 88.757.535.954; 7) Mato Grosso do Sul – R$ 68.916.909,358; e 8) Sana Catarina – R$ 46.996.008.174.

 

Clima não permite o plantio da soja


As lavouras do cedo já sentem as consequências do El Niño. Além de um regime de chuvas  mais frequente, intenso e volumoso, algumas regiões também enfrentam tempestades, fortes rajadas de ventos e granizo. É o caso de São Luiz Gonzaga, que na noite de segunda-feira e madrugada do dia seguinte, se tornou alvo de ventos fortes e chuva intensa, que causaram a queda de árvores por toda a planta urbana da cidade, além de danos generalizados em prédios residenciais e comerciais. Em função do clima, o plantio da soja no Rio Grande do Sul iniciou com atraso. O plantio mais intenso da soja deve começar agora, se o tempo permitir.

 

Antes do plantio das lavouras de verão,

é preciso tempo bom para colher a do inverno


O produtor  vai esperar uma janela para colher as culturas de inverno e, só então, poderá se dedicar ao plantio das lavouras de verão. De acordo com a Emater, até o momento pouco mais de 10% das lavouras de trigo da safra 2023 estão colhidas.

 

Chuva prejudica a implantação

da lavoura de arroz


Conforme o Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga) desta safra, o RS já semeou 287,3 mil hectares, ou 31,83% dos 902,4 mil hectares previstas pela instituição.

 

Heinze protocolou projeto de decreto legislativo

em apoio aos produtores de leite


O senador Luis Carlos Heinze (PP/RS) protocolou projeto de decreto legislativo que isenta o leite do Imposto de Importação dos Países do Mercosul. A matéria susta trechos da resolução 353/22 da Câmara de Comércio Exterior. A iniciativa é um socorro para os produtores que enfrentam uma concorrência desleal e total ausência de uma políltica de Estado estruturante para o segmento. Heinze confia que o Congresso  entenderá isso e aprovará esse projeto de decreto legislativo o mais rápido possível.

 

Em setembro, exportações de soja

atingiram volume recorde


As exportações brasileiras de soja em grão atingiram volume recorde para o mês de setembro. Segundo o Ministério da Agricultura, o país embarcou 6,4 milhões de toneladas no período, quantidade quase 60% superior ao exportado no mesmo mês do ano passado. Boletim divulgado esta semana, as vendas externas da oleaginosa em grão alcançaram 3,30 bilhões de dólares no mês passado, com alta de 31,8% antes o mesmo período de 2022. Somente as compras chinesas representaram 80% do volume exportado no mesmo mês de 2022.

 

Produtores de leite protestam

para não abandonar a atividade


Em torno de 800 produtores familiares modificaram a rotina de quem precisou passar semana passada, pela Ponte Internacional Barão de Mauá, na fronteira entre Jaguarão e Rio Branco, no Uruguai. Durante a manhã e o início da tarde de um dia, produtores ligados à Fetag/RS interromperam o fluxo de veículos a cada 30 minutos, para cobrar ações governamentais frente a crise do setor leiteiro, causada pelos benefícios transferidos aos produtores de leite de países do Mercosul, que estabeleceu o seguinte resultado: para as indústrias que adquirem leite no Rio Grande do Sul, se tornou vantajoso comprar o leite da Argentina, Paraguai e outros países do Mercosul, porque o preço do produto nacional ficou acima do concorrente externo.

 

Workshop da Cultura da Soja

é realizado pela Coopatrigo


A Coopatrigo realizou workshops sobre a cultura da soja, em três municípios de sua área de jurisdição. Dia 17 de outubro em Santiago, dia 18 em Santo Antônio das Missões e dia 19 em São Luiz Gonzaga.

Entidades e empresas se mobilizam para promoção do Arroz Solidário

Estão em ritmo intenso os trabalhos de organização da primeira edição do Arroz Solidário. A programação ocorre no próximo dia…

Alunos do IERB criaram desenhos com mensagens de esperança aos atingidos pelas enchentes

Neste mês de maio, as professoras do Instituto Estadual Rui Barbosa, Gisele Silva De Oliveira Guedes e Viviane Siqueira Alves,…

Rock solidário nesta sexta-feira, no Atlanta

Nesta sexta-feira, 24 de maio, junto ao Atlanta Boliche Bar em São Luiz Gonzaga, será realizada a noite do Rock…