Ghost: Cada Vez Mais em Evidência

  • 2 de junho de 2023

Umas das bandas que mais cresceram nos últimos anos foi a Sueca Ghost, hoje com a
parte criativa quase que em sua totalidade a cargo do fundador e mentor Tobias Forge.
Com uma sonoridade e visual inspirados no Occult Rock dos anos 70, o Ghost surgiu como
umas das boas novidades no cenário do Rock pesado em 2008.
O mistério sobre a identidade de seus integrantes foi sendo mantida por um bom tempo,
inclusive do líder e vocalista Tobias, que mesmo muitas vezes sendo apontado como
integrante, não admitia, mantendo aquele mistério.
Papa Emeritus e seus Nameless Ghouls, com seu mistério, mística e sonoridade e temática
bem próprias, foram ganhando cada vez mais fãs e crescendo no cenário mundial,
participando de grandes festivais, inclusive o Rock in Rio.
Em 2017, devido a problemas legais com outros integrantes, que reclamaram que os
ganhos não eram divididos igualmente, e com o processo também dirimiu de vez qualquer
mistério quanto aos nomes dos integrantes. A partir daí Tobias Forge começou a trabalhar
com músicos contratados, os quais usam o visual estabelecido pelo dono do negócio,
alterando seguidamente a formação da banda.
Tobias Forge vai encarnando os personagens, e a cada fase um “novo” Papa ou Cardeal
assume o papel de vocalista. A produção também foi evoluindo, com palcos maiores e com
mais efeitos visuais e figurinos mais elaborados. Na música, as letras com temática ocultista
permanecem, mas o som traz elementos sinfônicos, de Hard Rock, refrãos e melodias de
mais fácil assimilação, e até elementos Pop (Tobias não esconde que é fã de Abba, e
podemos sentir as influências pop nos teclados e muitas melodias).
Essa sonoridade mais acessível, ligado ao visual teatral e sombrio, foi atraindo outros
públicos, inclusive por conta de viralizar em uma rede social com o vídeo da música “Mary
on a Cross”, um ótimo exemplo de algumas canções com acento pop rock que Ghost tem
produzido.
Agora após o lançamento do álbum “Impera” (2022), o Ghost solta mais um EP com
versões, algo que se tornou tradicional nos intervalos entre um disco e outro, enquanto sai
para uma turnê mundial, que passará pela América do Sul, incluindo o Brasil, com duas
datas em SP.
O EP “Phantomime” foi disponibilizado este mês, trazendo 5 covers no estilo da banda para
clássicos de Tina Turner, Iron Maiden, Television, Genesis e The Stranglers, sintetizando
bem algumas das inspirações que compõem a música do Ghost.
Com um equilíbrio único entre sua estética visual e a sonoridade, o Ghost se estabelece
como uma das bandas mais instigantes e legais da atualidade.

Entidades e empresas se mobilizam para promoção do Arroz Solidário

Estão em ritmo intenso os trabalhos de organização da primeira edição do Arroz Solidário. A programação ocorre no próximo dia…

Alunos do IERB criaram desenhos com mensagens de esperança aos atingidos pelas enchentes

Neste mês de maio, as professoras do Instituto Estadual Rui Barbosa, Gisele Silva De Oliveira Guedes e Viviane Siqueira Alves,…

Rock solidário nesta sexta-feira, no Atlanta

Nesta sexta-feira, 24 de maio, junto ao Atlanta Boliche Bar em São Luiz Gonzaga, será realizada a noite do Rock…