Prorrogadas prisões dos investigados na Operação Trapaça

  • 17 de julho de 2023
Operação Civil 12-07-23 1

O Poder Judiciário de Santo Antônio das Missões acolheu representação policial encaminhada pela Draco de São Luiz Gonzaga e deferiu a prorrogação das prisões temporárias dos 11 investigados detidos na Operação Trapaça. A ação que desmantelou quadrilha que aplicava golpes de falsos investimentos foi desencadeada na semana passada pela Polícia Civil nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo.

Segundo o delegado da Draco são-luizense, Heleno dos Santos, que comanda as investigações, agora a Polícia Civil dispõe de mais cinco dias para acelerar as investigações. Até o momento, já se sabe que o golpe pode ter lesado mais de 20 mil pessoas, número bem superior ao de 4 mil vítimas inicialmente estimadas. Há indícios de uma conta bancária no exterior com mais de R$ 700 milhões. “Diversos pedidos de apoio e colaboração de outras delegacias de polícia do Brasil estão chegando até nós, pois o golpe parece abranger todo o País”, informa o delegado.

Segundo ele, durante as investigações, foram descobertos diversos vídeos de instrução e promocionais feitos pelos criminosos com a intenção de atrair e enganar mais vítimas. Todo o material foi apreendido e faz parte das investigações. “Os trabalhos prosseguem em ritmo acelerado e não se descartam novos pedidos de prisões nos próximos dias”, adianta o delegado Heleno dos Santos.

 

Entidades e empresas se mobilizam para promoção do Arroz Solidário

Estão em ritmo intenso os trabalhos de organização da primeira edição do Arroz Solidário. A programação ocorre no próximo dia…

Alunos do IERB criaram desenhos com mensagens de esperança aos atingidos pelas enchentes

Neste mês de maio, as professoras do Instituto Estadual Rui Barbosa, Gisele Silva De Oliveira Guedes e Viviane Siqueira Alves,…

Rock solidário nesta sexta-feira, no Atlanta

Nesta sexta-feira, 24 de maio, junto ao Atlanta Boliche Bar em São Luiz Gonzaga, será realizada a noite do Rock…