• 25 de agosto de 2023

Desde a antiguidade o homem adota sinais e símbolos. Nesta nossa época em que vivemos e convivemos com o império da comunicação, onde fatos, ideias, verdades, fake news, estão em um e em todos os espaços instantaneamente, nunca a humanidade utilizou-se tanto de sinais e símbolos para comunicar-se. Para tudo há um símbolo, um sinal, uma logo.

Ao aproximar-se a Semana da Pátria e todas as comemorações que são realizadas, vem-me à lembrança quando na escolinha distante, passávamos a semana desenhando e estudando os Símbolos Nacionais. Hoje, nem sei se os estudantes têm conhecimento de quais são os Símbolos Nacionais.

Pois julgo importante lembrar que temos quatro Símbolos Nacionais: a Bandeira, o Hino, As Armas e o Selo. Julgo, também, importante que se retome seus significados, sua simbologia e uso adequado, tanto nas escolas quanto em instituições públicas.

A Bandeira Nacional, instituída em 15-11-1889, é um emblema constituído pela sobreposição de formas geométricas: o retângulo, o losango e a esfera salpicada de estrelas e a faixa branca da ORDEM E PROGRESSO, frase do filósofo francês Auguste Comte, de orientação positivista.

Quanto às cores, nada oficial há sobre sua significação. Especialistas afirmam que o verde representa a casa de Bragança, da qual fazia parte D. Pedro I. O amarelo a casa de Habsburgo, da qual fazia parte D. Leopoldina. Registre-se que a casa de Bragança não foi exclusivamente verde, tendo também utilizado as cores vermelho, azul e branco.

No entanto, se não há nenhuma legislação definindo a simbologia das cores, a lei é clara quanto ao uso dos símbolos Nacionais em si.

A Bandeira Nacional deve ser usada sempre com atitude respeitosa. Entendo que cada um deve ter bom senso suficiente para conceituar “atitude respeitosa”, dado sua subjetividade.

Não vou me deter a tudo o que normatiza a legislação vigente, mas quero chamar atenção sobre dois pontos, pelo excessivo número de inconveniências que tenho visto.

O primeiro refere-se ao hasteamento da Bandeira nacional, cuja normativa é: A Bandeira Nacional, quando hasteada entre outras bandeiras, deve ficar centralizada. A partir da Bandeira Nacional, são colocadas as outras bandeiras, em ordem de precedência, começando pela direita da Bandeira Nacional. Quando se diz que a Bandeira do Estado deve ficar à direita da Bandeira do Brasil, deve-se entender que a posição à direita, é à direita de uma pessoa voltada para a plateia e não do lado direito da Bandeira. Quando forem apenas duas Bandeiras, a outra deve ficar à esquerda.

O segundo ponto diz respeito à atitude das pessoas em solenidades. É comum vermos os integrantes da Mesa Oficial, no momento do Hino Nacional, voltarem-se para a Bandeira Nacional, ficando, muitas vezes, de costas para a plateia. Isso é um erro grave, no momento em que se idolatra o Hino Nacional, Símbolo Nacional de igual amplitude e valor. Além disso, dar às costas ao público é sempre uma atitude inadequada.

A guisa de conclusão, desejo registrar que não tenho nenhum ranço quanto à interpretação de quem usa a tradicional definição do verde representando as matas. Para mim, cada um pode dar a interpretação que quiser do que representa a Bandeira para si, afinal ela é de cada um de nós. Para mim é a Pátria que amo e que sonho ver vibrante de justiça social. Quanto ao Hino, sonho que todos os brasileiros entendam essa tão rebuscada letra e, assim, saibamos que “as margens plácidas do Ipiranga ouviram o brado retumbante de um povo heroico”.

Entidades e empresas se mobilizam para promoção do Arroz Solidário

Estão em ritmo intenso os trabalhos de organização da primeira edição do Arroz Solidário. A programação ocorre no próximo dia…

Alunos do IERB criaram desenhos com mensagens de esperança aos atingidos pelas enchentes

Neste mês de maio, as professoras do Instituto Estadual Rui Barbosa, Gisele Silva De Oliveira Guedes e Viviane Siqueira Alves,…

Rock solidário nesta sexta-feira, no Atlanta

Nesta sexta-feira, 24 de maio, junto ao Atlanta Boliche Bar em São Luiz Gonzaga, será realizada a noite do Rock…