Vereadores indicam rompimento de contrato das obras do hospital

  • 3 de agosto de 2023
Hospital 1

Uma das conclusões que constam no relatório elaborado pela Comissão Temporária Especial Hospital São Luiz Gonzaga é a recomendação de rompimento unilateral do contrato com a empresa responsável pelas obras de implantação da UTI na casa de saúde. Constituída pela Câmara de Vereadores para apurar denúncias de mau atendimento contra o hospital e fiscalizar as obras e as contas do HSLG, a comissão encerrou seus trabalhos nesta semana.

 

Entre os apontamentos feitos no que se refere à demora das reformas e instalação da UTI no hospital, que têm orçamento de 2,6 milhões, estão oito indicações acerca do convênio firmado com a Caixa Econômica Federal pelo Hospital São Luiz Gonzaga e das obras realizadas pela empresa contratada via licitação. Apesar de destacar que nenhuma irregularidade teria sido cometida pela gestão do hospital, o relatório recomenda o rompimento do contrato da obra devido a incapacidade da empresa de executá-la no prazo previsto em contrato, “sob pena dos trabalhos entrarem em status de obra paralisada.”

 

O atraso na obra se refere nas liberações dos valores previstos. Segundo o relatório, o montante total de repasse contratado com o Ministério é de R$ 2.599.999,00, porém foram liquidados em conta apenas R$ 682.499,74, totalizando em 26,25%.

 

Confira reportagem completa na edição desta sexta-feira do Jornal A Notícia.

 

Entidades e empresas se mobilizam para promoção do Arroz Solidário

Estão em ritmo intenso os trabalhos de organização da primeira edição do Arroz Solidário. A programação ocorre no próximo dia…

Alunos do IERB criaram desenhos com mensagens de esperança aos atingidos pelas enchentes

Neste mês de maio, as professoras do Instituto Estadual Rui Barbosa, Gisele Silva De Oliveira Guedes e Viviane Siqueira Alves,…

Rock solidário nesta sexta-feira, no Atlanta

Nesta sexta-feira, 24 de maio, junto ao Atlanta Boliche Bar em São Luiz Gonzaga, será realizada a noite do Rock…